Fama e Sucesso

DINÂMICA: através da experiência de evangelização em comunidade carente, percebemos a necessidade de conversar sobre a fama e o sucesso, que aparece como prioridade para os jovens e como a solução de seus problemas.

A dinâmica é feita através da leitura de duas histórias que acontecem paralelamente. Seria interessante o uso de um relógio, que marcará as horas em que estarão acontecendo as cenas. O relógio deverá ser grande, do tipo de parede ou então de brinquedo, para que todo o grupo possa ver e para quebrar a monotonia da leitura.

Uma das histórias é sobre o João Silva, a outra sobre Fred del Rey.
O horário inicial da narrativa é 8h da manhã. João está na porta de casa, de saída para o trabalho. Fred está confortavelmente dormindo em sua cama. João carrega sua pasta de papéis e um pacote pequeno na mão. Fred dorme numa cama grande e macia em lençóis de seda e travesseiros de plumas.
8h30m: João está na rua, conversando com um homem, que encontrou no trajeto para o trabalho e, pelas suas roupas e aparência, podemos concluir ser um morador carente. Enquanto isso, Fred continua em seu quarto, na sua cama dormindo …
9h: João chega ao trabalho, passando por diversas pessoas, cumprimentando-as, dando “Bom Dia!” O dia já começou para João, com suas responsabilidades e compromissos.
Fred, pelo que parece, tem outros horários e pode continuar dormindo.
13h: É hora do almoço. João está na rua e provavelmente já almoçou. Neste momento, ele está próximo a uma mãe e seus três filhos, sendo que um deles está no colo, pois ainda é um bebê. São moradores de rua e João, que já despertou sua atenção para nossos irmãos em necessidade, está conversando com eles.As vezes basta um ouvido amigo, e as coisas parecem melhores. Enquanto isso, Fred está acordando. Depois de um longo sono, ele se prepara para um farto café-da-manhã…”hummm! que delícia!”
15h: Ambos estão ao telefone. João marca visitas aos seus clientes, esclarece dúvidas de uns, conversa com outros. Fred está conferindo sua agenda do dia. Fala ao celular, atende o telefone fixo, organiza suas tarefas.
17h: João está na porta do elevador, o expediente terminou e ele está voltando para casa. Fred acaba de sair da garagem em seu carro e tem uma multidão gritando, mandando beijos e pedindo autógrafos. Fred deve ser alguém bem conhecido, a multidão grita em coro seu nome!
19h: João esta na mesa, jantando com sua mulher e seu filho. Eles conversam sobre o que fizeram durante dia, trocam suas experiências. Fred está na porta de um estúdio, dando uma entrevista, outra multidão está acompanhando emocionada, o clima é muito animado!
20h30m: João e sua mulher estão na cozinha preparando uma série de sanduíches e colocando em sacolas. Fred acaba de encontrar com alguns amigos e estão todos muito felizes por estarem juntos.
22h: João está na rua novamente. Na sua frente, uma fila de pessoas aguardam pacientemente enquanto ele distribui as sacolas com sanduíche. Cada um recebe uma, não sem antes João papear um pouquinho: “como foi o seu dia? Tem conseguido algum trabalhinho? A dor na perna melhorou?” No outro lado da cidade, Fred está em um restaurante conversando animadamente com seus amigos, planejando o restante da noite.
23h: É noite, está ficando tarde e João está na sua casa, no seu quarto, dormindo ao lado da mulher. Para Fred a noite mal começou. Ele e seus amigos estão dançando naquele bar da moda, o som é muito bom, a freqüência é ótima e é impossível não se divertir.
3h: Madrugada…João está dormindo. Fred se reúne com os amigos em casa para conversarem mais um pouquinho, todos ainda estão animados e querem aproveitar, mais um pouco desta noite tão divertida.
5h30m: João ainda dorme. Fred está indo para sua cama dormir.

A história não termina aí. Mas antes de continuar, é importante chamar atenção para alguns pontos:
– tanto João como Fred são felizes como são e como agem;
– não cabe o julgamento se um deles está certo e se o outro está errado;
– cada um está em um momento e isto é respeitado;
– no caso de João, ele age naturalmente no auxílio aos necessitados, já é um comportamento adquirido, é feito naturalmente;
– no caso do Fred, mas não há envolvimento com drogas ou bebidas, para a história isto é secundário;
– para cada um deles, suas escolhas é que direcionam seu comportamento.

PARTE FINAL: Vamos imaginar, passado alguns anos, o desencarne dos dois personagens. Deixar o grupo refletir um pouco.
João chega à espiritualidade e é recebido por um grupo enorme. Muitos acenam, lhe abraçam, o ambiente é leve e bem iluminado, podemos observar toda a paisagem. Há muitos familiares e amigos, mas há também rostos desconhecidos que expressam profundo agradecimento. João está desperto e feliz.
Fred acorda meio desnorteado, não consegue entender muito bem o que está se passando. Está escuro à sua volta, ele está praticamente sozinho e só consegue escutar sons que, na verdade, não distingue o que são. É tudo muito confuso e ele se pergunta: “o que aconteceu afinal?”

Reflexão para o grupo: escolhas e valores
João, em seus gestos espontâneos, seu interesse pelo próximo, aumentou sua rede de relações de espíritos ligados e harmonizados com ele.
Fred, por sua vez, ainda é muito ligado ao sensório, ao material e sua rede de interesses atuam apenas quando encarnado.

2 respostas para Fama e Sucesso

  1. Centro Espírita André Luiz de Barra Mansa/RJ disse:

    Estou fazendo uma campanha de vários Kit de Higienização para as minhas crianças carentes e está brincadeira veio na hora exata, muito obrigada e que Deus os abençoe. Beijjjos!!!

  2. Bárbara Penna - Assoc. Espírita Seara de Jesus/RJ disse:

    Sou orientadora de Mocidade e estava buscando alguma coisa sobre o tema Escolhas e Valores. Esse artigo me ajudou muito.
    Agradeço de coração!!!
    Abraços e paz

%d blogueiros gostam disto: